2017
março
Padrão

As plantas medicinais na conquista do direito de cuidar do próprio corpo

Por : Vera Fróes

Farmácia Caseira

“A temática ambiental está em plena evidência e as plantas medicinais ganham espaço nos diversos setores da sociedade, na mídia e na indústria farmacêutica. Segundo orientação da Organização Mundial de Saúde – OMS – é obrigatório que países de grande diversidade biológica incentivem o desenvolvimento de programas que incorporem o conhecimento do uso tradicional das plantas medicinais no sistema básico de saúde.

A crescente popularização do uso de plantas como remédio, resgata tradições e terapias antigas que foram incorporadas nas políticas públicas como a homeopatia, medicina chinesa, medicina ayurvédica e a acupuntura. No entanto a medicina tradicional ameríndia não foi contemplada, possivelmente pela pouca valorização que se dá aos produtos da sociobiodiversidade brasileira. Enquanto a Suiça tem apenas uma planta endêmica (só nascem naquele lugar), o México tem 3000 e só na Amazonia são 20.000 espécies nativas.

Read more

more